Presidente busca apoio político para impedir aumento do salário do prefeito antes da apreciação do PCCR dos médicos

Presidente busca apoio político para impedir aumento do salário do prefeito antes da apreciação do PCCR dos médicos

O presidente em exercício do Sindicato dos Médicos do Acre (Sindmed-AC), Gilson Lima, se reuniu com o presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Rio Branco, José Augusto, e com o vereador Fábio Araújo, na manhã desta segunda-feira, 10. A finalidade da reunião foi debater em oposição ao projeto de lei que o prefeito Tião Bocalom enviará para o Legislativo com o objetivo de aumentar os salários dele, da vice, dos secretários e dos vereadores.

O presidente do Sindmed-AC pediu apoio do parlamentar para que o projeto não seja apreciado antes da Câmara analisar o pedido de reforma do Plano de Cargo, Carreira e Remuneração (PCCR).

Na semana passada, veículos de comunicação divulgaram a informação de encaminhamento de quatro projetos para o Legislativo, buscando realizar uma reforma administrativa, elevando salários dos políticos, aumentando o número de cargos comissionados e criando mais duas secretarias. A notícia deixou os trabalhadores indignados que desde o ano passado buscam a valorização, mas são ignorados pelo prefeito Tião Bocalom.

Para buscar avanços na reforma do PCCR da classe médica, o Sindmed-AC encaminhou em julho uma série de propostas que não foram apreciadas pelo Executivo municipal, por isso houve a deflagração de greve depois de várias tentativas de negociação, em que os assessores do prefeito se recusaram em debater as reivindicações para 2022.

Freud Antunes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *